quinta-feira, 11 de maio de 2017

A Pomba Atônita - Edgar Pereira da Silva


Sinopse:
Quando o gás acaba e a comida esfria, ascendem com um fogo triste, o pavio que não existe na bomba do dia a dia.

Os andares de um prédio (entenda pombal) estão contaminados de cheiro e delírio causados pelo gás de cozinha que vaza de todos os pensamentos apartamentos.
Os moradores, os pombos e os telefones tocando e tocados pela melodia da musica triste que desce as escadas de emergencia. Alguém mais abriu a boca do gás e do outro lado de uma linha tênue entre a denuncia, o pedido de socorro e um envenenamento, alguém atende e tenta entender os motivos do ato coletivamente egoísta de mandar tudo pelos ares como uma revoada de pragas urbanas. Mas nunca entenderemos mesmo estas ações humanas, o fato é que no ato em que se desliga a chamada o inevitável explode levando consigo quem não conseguiu esperar a ligação, entre os homens e os pombos altera drasticamente a paisagem, lotando o céus, as casas e as ruas de fezes de bombas correio que trazem na pata mensagens suicidas de Torquato Neto.
Título do filme 
Pomba Atônita
Duração 
7 minutos e 44 segundos
Ano 
2016
Local 
Guarulhos
Classificação indicativa 
livre
Gênero 
Drama
Ficha técnica 

Roteiro e Direção : Edgar Pereira da Silva
Direção Artística e fotográfica - Renan Alves
Trilha Sonora - Tim Maia
Participação Especial - Expedito Cordeiro dos Santos
Elenco - Joanah Dark, Renan Campos, Camila Rhodes, Leandro Iatalese, Júlia Midory e Renan Alves.
Share This